O mercado da bola continua bastante movimentado no futebol Brasileiro e as grandes equipes continuam no mercado em busca de reforços para próxima temporada. O jovem atacante Jonathan Calleri de 24 anos e que atualmente defende o Las Palmas, da Espanha está novamente na mira do futebol brasileiro e tem grandes chances de retornar ao futebol nacional na próxima temporada. Segundo informações do Portal Fox Futebol, Jonathan Calleri interessa ao Atlético Mineiro que já teria inclusive acertado salários com o atacante para 2018.

O empresário de Jonathan Calleri confirmou que o jogador sonha em voltar a vestir a camisa do São Paulo Futebol Clube, mas que as negociações com o Atlético-MG ganharam força nos últimos dias. O Tricolor teria acertado salários de R$ 300 mil reais mensais para o jogador aguarda uma reunião nos próximos com os empresários do jogador para tentar a compra de parte dos direitos econômicos do jogador. Porém com a entrada do Atlético-MG na disputa o clube mineiro teria oferecido um salário superior e tem mais chances de fechar a contratação de Calleri neste momento.

Calleri no Flamengo?

Apesar de ainda ter a final da Copa Sul-Americana em disputa na temporada, o Flamengo já começou a trabalhar internamente suas possibilidades de mercado para 2018. Com a situação de Guerrero ainda indefinida com a Fifa, o clube está monitorando o atacante Calleri como alternativa para a vaga do camisa 9.

Jonathan Calleri tem 24 anos e se destacou durante sua passagem por empréstimo no São Paulo. Atualmente, ele está emprestado ao Las Palmas pelo Deportivo Maldonado, equipe da segunda divisão uruguaia ao qual está vinculado. Antes, passou pelo West Ham, da Inglaterra.

Jonathan Calleri em ação com a camisa do São Paulo (Foto: Getty Images)

No Flamengo desde 2015, Paolo Guerrero aguarda o resultado de seu julgamento por doping. Ele esteve no tribunal da Fifa na semana passada e está suspenso de forma provisória pela entidade. A expectativa de sua defesa é de que a decisão seja divulgada até o fim da semana.

O atacante testou positivo para a substância benzoilecgonina, principal metabólito da cocaína, em exame antidoping realizado após a partida entre Peru e Argentina no dia 5 de outubro, pelas eliminatórias da Copa do Mundo. Ele recebeu suspensão provisória de 30 dias a partir de 3 de novembro, quando o caso foi divulgado.

Antes da suspensão e do caso de doping, o Flamengo estudava renovação com Paolo Guerrero por mais dois anos.

 

 

LEIA MAIS:  Carille definiu quem vai levantar a taça do Brasileirão, Veja: