Contratação de maior investimento do Botafogo para 2018, meia-atacante se destaca na parte física, mas admite precisar evoluir tecnica e coletivamente e faz apelo por paciência contra as vaias ao time

A vitória por 1 a 0 diante do Boavista no úlimo domingo, no Nilton Santos (veja os lances no vídeo acima) deu ao Botafogo a liderança do Grupo C da Taça Guanabara e encaminhou a vaga para a semifinal. Mas o futebol apresentado, sobretudo no primeiro tempo, ainda está longe de agradar os alvinegro.
Depois da partida, o meia Luiz Fernando quebrou a timidez para voltar a dar entrevistas, o que não acontecia desde sua apresentação oficial, e aproveitou para pedir calma aos torcedores. Muitos chegaram a vaiar o time no intervalo, quando o placar ainda estava em branco.
– Eu acho que, independentemente do que nós jogamos no primeiro tempo, no segundo conseguimos fazer o gol e sair com a vitória. Isso que era o importante, para se manter na liderança. Sabemos que a torcida espera mais, mas vamos pedir para eles terem um pouquinho de calma. Inicio de pré-temporada, é o quarto jogo, o time vem se entrosando. E a cada jogo que passa, a tendência é melhorar mais ainda – observou.

Contratação de maior investimento do clube para a temporada, ao custo de R$ 2,5 milhões, Luiz Fernando ainda não tem gol ou assistência com a camisa alvinegra e vem oscilando. Contra o Macaé, chegou a acertar a trave, mas contra o Boavista ficou devendo. Fisicamente bem, ele fez uma auto-crítica e admitiu que tende a evoluir tecnica e coletivamente.
– Eu estou bem. De 0 a 10, estou 10, dando meu máximo sempre. A parte física está 100%. Falta melhorar alguns aspectos, coletivo e individual, mas isso ai nós vamos conseguir – analisou o meia-atacante, que visivelmente é um dos jogadores que mais correm durante as partidas.
O último compromisso do Botafogo na primeira fase do Campeonato Carioca será no próximo sábado, quando o Alvinegro recebe o lanterna Madureira, às 19h (de Brasília), no Nilton Santos. O time de Felipe Conceição está a um empate de carimbar a vaga na semifinal.

LEIA MAIS:  Veja quem é o Goleiro que mais pega pênaltis no Brasileirão