No Equador para evento beneficente, Erazo admite que tem escutado ofertas
Zagueiro tem mais dois anos de contrato com Atlético-MG; temporada 2017 foi de apenas três jogos

O zagueiro Erazo falou sobre o seu futuro no Atlético-MG. O jogador está em Guayaquil para participar de um evento beneficente, organizado por ele, com o nome “Faça um gol contra a pobreza”. Ao ser questionado sobre os próximos passos da carreira pela imprensa equatoriana, ele revelou que está escutando ofertas.

Erazo, zagueiro do Atlético-MG, revela que tem escutado ofertas, mas que prioridade é continuar em Belo Horizonte

– Este foi um ano difícil. Mas eu encaro como aprendizado, pelo qual treinei muito e acredito que estou em forma. Tenho dois anos mais com o Atlético-MG. É minha prioridade, mas estou escutando ofertas. Não há nada formal. Em 3 de janeiro, tenho que estar no Brasil para a pré-temporada.
Entre os objetivos elencados, Erazo destaca a vontade de disputar a Copa América e as Eliminatórias pelo Equador em 2018. A seleção sul-americana não conseguiu a vaga na Copa do Mundo.
Histórico no Atlético-MG
Erazo chegou ao Atlético-MG em 2016 com status de titular, com o Galo já se antecipando à saída de Jemerson, vendido em junho do ano passado para o Monaco. Porém, a temporada terminou mal, com direito a uma briga com o zagueiro Kannemann, do Grêmio, que rendeu suspensão para o equatoriano.
Na temporada 2017, Erazo sofreu com as dores. Ele começou o ano no departamento médico. Não bastasse isso, ainda se envolveu em um acidente de trânsito e acusação de violência doméstica pela esposa, problema que acabou resolvido posteriormente.
Em campo, Erazo atuou apenas em três jogos este ano. Ele atuou pela última vez em junho, contra o Vitória, em Salvador, quando o Alvinegro acabou derrotado por 2 a 0. Ao todo, o zagueiro soma 48 jogos pelo Atlético-MG.

LEIA MAIS:  José Carlos Peres comenta negociações envolvendo Robinho, Gabigol, Zeca e treinador para 2018